A Igreja e a natalidade

Que diz a Igreja sobre o aborto?

Sobre o respeito da vida humana, e em particular sobre o respeito pela criança não nascida, não se verifica que muitos cristãos estão em desacordo aberto com a Igreja?

Não se arriscam os cristãos de hoje a ser censurados por uma falta de coragem tão lamentável como aquela de que foram acusados alguns cristãos no passado?

Não deveria a Igreja Católica ter em conta a evolução dos costumes e adaptar a sua concepção do pecado?

Porque é que a Igreja recusa a contracepção?

Não haverá que distinguir cuidadosamente a contracepção hormonal da esterilização?

Quem diz paternidade responsável diz contracepção. Ora, a Igreja opõe-se à contracepção.

A Igreja põe as pessoas na necessidade de recorrerem ao aborto porque se opõe contracepção.

Uma contracepção eficaz não será o melhor meio de prevenir o aborto?

Quais são as consequências da dissociação entre sexualidade e procriação na união conjugal?

   

ss26.gif (2850 octets)

To download the text, click here: A Igreja e a natalidade (pdf file).